Painel 29 de dezembro de 2018

0
627

Posse de Dória

O prefeito Amarildo Duzi Moraes informou à coluna Painel que embora tenha confirmado sua presença na posse do governador João Dória, que acontecerá no dia 1º de janeiro no Palácio dos Bandeirantes, ele ainda vai decidir se de fato irá.

A posse do governador do PSDB terá início às 9h, na Assembleia Legislativa e depois prossegue no Palácio dos Bandeirantes. Dória determinou que a posse seja rápida e racional, o que deverá sobrar tempo para acompanhar a posse de Bolsonaro em Brasília, que está prevista para as 15h da tarde.

Ainda incerto

Não se sabe ainda quem vai ocupar o cargo de assessor especial da presidência da Câmara Municipal de Vargem Grande do Sul, cargo criado recentemente e cujo indicado pelo presidente do Legislativo, vai receber R$ 5.000,00.

Um dos nomes mais cotados é o do advogado e assessor jurídico Valter Luis Mello que durante vários anos assessorou os vereadores, mas deve deixar o cargo com a nomeação do Procurador Jurídico do Legislativo, onde outro advogado passou no concurso.

Seu nome pode ser confirmado pelo novo presidente do Legislativo, Felipe Gadiani em reunião que deve acontecer no início de janeiro. Como é um cargo de confiança privativo do presidente em exercício, tudo pode acontecer. A favor de Valter, sua longa experiência e confiança dos vereadores.

Última sessão

Provavelmente a última sessão da Câmara Municipal este ano aconteceu nesta sexta-feira, dia 28, por volta das 11h, quando os vereadores votaram em sessão extraordinária, quatro projetos de lei do Executivo. A votação foi por aclamação e todos os projetos foram aprovados pelos presentes.

Foram dois projetos de Crédito Adicional Suplementar, um projeto que dispõe sobre o regime de adiantamento para viagem a serviço da administração publica e outro que autoriza o Executivo a contratar com a agência Desenvolve São Paulo, operação de crédito para ser usada na contratação de empresa visando a implantação de Sistema de Georreferenciamento do Cadastro Imobiliário da prefeitura, no valor de R$ 175 mil.

Roubos na zona rural

Nesta sexta-feira, mais um produtor rural foi vítima de roubo. Criminosos renderam a vítima, a amarraram e levaram sua caminhonete, deixando o produtor amarrado em meio a plantação. Esse caso não é isolado. Em uma única família, foram registrados cinco roubos de caminhonete nos últimos meses.

Intercedeu

O prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB), preocupado com a situação procurou o delegado seccional, pedindo apoio e maior segurança para os produtores rurais, que já estão revoltados com os inúmeros casos registrados.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui