Padre Ricardo assumirá paróquia em distrito de Mogi Guaçu

0
1066
Vigário da paróquia de Sant´Ana assumirá comunidade em Itaqui. Foto: Arquivo

As transferências que acontecerão em 2019 no clero da Diocese de São João da Boa Vista, no qual as paróquias de Vargem Grande do Sul fazem parte, foram anunciadas no dia 20 de dezembro pelo bispo Dom Antônio Emidio Vilar.
Além da saída do padre Mário Sérgio Marcili, outra alteração no município de Vargem é a saída do padre Ricardo Alexandre Camargo da Silva, vigário da paróquia de Sant’Ana. O padre assumirá a paróquia São João Batista, em Itaqui, distrito de Mogi Guaçu, no dia 6 de fevereiro. Em seu lugar, quem ficará de vigário na paróquia Sant’Ana é o padre Denis Aparecido Crivelari.
À Gazeta de Vargem Grande, o padre Ricardo, de 33 anos, que foi acolhido na cidade em 4 de fevereiro de 2017, contou quais as principais vivências que levará consigo. “Dentre tantas experiências marcantes nesses dois anos, destaco apenas duas: acolhida e fé. O vargengrandense é um povo acolhedor de origem. Não digo somente por mim que fiz essa experiência, mas por todos aqueles que aqui passaram. Todos relatam essa mesma impressão; no sorriso, no abrir as portas, nos pedidos de informações ou ajudas, cada um, à sua maneira se dispõe a acolher”, comentou padre Ricardo. “A outra experiência marcante é a fé. Não tem como falar de Vargem Grande do Sul sem mencionar sua padroeira a Senhora Sant’Ana. Sob seus cuidados e intercessão, os fiéis da paróquia espelham amor, piedade e generosidade na comunidade. Prova disso foram as celebrações que participei. Em cada qual percebi nitidamente a presença de Deus por meio da manifestação religiosa de cada um, por exemplo: Semana Santa, Festa da Senhora Sant’Ana com sua Romaria de Cavaleiros, Corpus Christi. Essas em particular me emocionaram e me ajudaram no meu ser padre pela força e vivacidade da fé e da tradição”, complementou o padre.
Padre Ricardo ainda contou sobre as expectativas para a nova paróquia. “As expectativas são muitas, porém tenho a consciência de vivenciá-las e concretizá-las aos poucos. O povo daquela paróquia tem uma história e uma realidade que muito me é desejoso em conhecer e fazer parte”, falou o padre. “Creio que a primeira tarefa como pastor daquele rebanho seja acolher, conhecer e escutar cada um que exerce um ministério ou serviço naquela paróquia. Depois dessa maravilhosa experiência começar a dar passos seguindo o projeto e os trabalhos já realizados na comunidade sem perder seu vínculo pastoral e histórico”, finalizou.

Vigário da paróquia de Sant´Ana assumirá comunidade em Itaqui. Foto: Arquivo

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui