PM apresenta dados de ocorrências dos últimos trimestres de 2018

0
710
Dados foram apresentados na última terça-feira. Foto: Reportagem

A Polícia Militar de Vargem Grande do Sul realizou na quarta-feira, dia 30, uma audiência pública para divulgação dos dados de ocorrências de 2018. A reunião foi na Associação Comercial e Industrial de vargem Grande do Sul e contou com a participação de representantes do 24º Batalhão da PM do Interior, do qual Vargem faz parte, policiais militares, da Guarda Civil Municipal, vereadores, do chefe de instrução do tiro de Guerra 02-092 e representantes da comunidade.

A audiência foi apresentada pelo sargento Marcos Lasmar, comandante da PM na cidade, que mostrou as atividades realizadas pela corporação nos três últimos trimestres de 2018.

Entre os dados apresentados, está o de apreensão de armas de fogo. De abril a dezembro de 2017, foram cinco, mesmo número apreendido em 2018 no período.

O número de pessoas presas aumentou. Foram 78 presas entre abril e dezembro de 2017, por mandados de prisão expedidos pela Justiça e 94 em fragrante. Já no mesmo período em 2018, foram 152 prisões em flagrante e 98 após cumprimento de mandados. Com relação a adolescentes, foram 54 apreendidos em flagrantes e 15 por cumprimento de mandatos em 2017. De abril a dezembro de 2018, foram 33 em flagrante e 16 por mandados de apreensão.

De acordo com o sargento Lasmar, a maioria dos casos de prisão em flagrante envolve tráfico de drogas.

A apreensão de entorpecentes na cidade foi grande. No primeiro trimestre de 2017, foram 11 kg, no segundo, 605 gramas e no terceiro, 1,582 kg, somando mais de 13 kg. Em 2018, de abril a junho foram 709 gramas, no trimestre seguinte, 622 gramas e de outubro a dezembro, foram 2,98 kg, totalizando 4,2 kg de abril a dezembro de 2018.

De abril a dezembro de 2018, Vargem registrou um homicídio, o do jovem Felipe Aparecido da Silva, de 25 anos, morto a tiros por Vanderley de Oliveira no dia 19 de dezembro, além do latrocínio – roubo seguido de morte, do ex-bancário Gláucio Donizeti da Costa, em julho. No mesmo período em 2017 foram três vítimas de homicídio na cidade.

Foram registrados ainda 261 furtos de abril a dezembro de 2017 e 312 crimes deste tipo em 2018. Além disso, foram 14 roubos no ano retrasado e 11 em 2018. Com relação a veículos, foram 18 furtos e 2 roubos em 2017 de abril a dezembro e 15 furtos e um roubo no mesmo período do ano passado.

Vargem

Ao final, Lasmar comentou sobre as ações desenvolvidas, como as audiências públicas, a visita a vítimas de crimes graves, as reuniões com o Conselho Comunitário de Segurança (Conseg) e a formação do Proerd.

O comandante da 4ª Cia da PM, capitão Richard, lembrou que pesquisas apontam um aumento anual de 5% da frota nas cidades paulistas e no entanto, o índice de furto de veículo na cidade tem se mantido.

Outro ponto destacado foi a apreensão de drogas. Em Vargem, em dezembro passado foram apreendidos 2 kg de drogas. De acordo com o capitão, isso representa cerca de 4 mil porções de entorpecentes retiradas de circulação e R$ 40 mil a R$ 60 mil a menos para o crime.

Major Bergamasco destacou a parceria com a GCM e o grupo debateu a necessidade de oferecer à Guarda melhor infraestrutura e equipamentos de segurança. Ele também falou sobre a questão do efetivo na cidade, lembrando que há um déficit de policiais em todo Estado. No entanto, relembrou que em reunião na Secretaria de Segurança Pública, foi falado que a PM de Vargem Grande do Sul poderia receber um aumento de pessoal em breve.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui