Carinho com a praça

0
728

Vargem Grande do Sul cresceu em volta do largo da Matriz. A igreja construída em devoção à Sant’Ana ganhou um jardim no terreno à sua frente. Mais tarde, este espaço recebeu o nome de Capitão João Pinto Fontão.

Na praça, foram realizados os primeiros jogos de futebol da cidade, foram abertas importantes lojas do Comércio, era onde havia cinemas e por muitos anos foi o principal passeio de muitas famílias vargengrandenses.

Assim, constar o abandono deste importante espaço da cidade é triste. Nas últimas semanas, é possível ver que a prefeitura se empenhou em deixar a praça limpa. A fonte luminosa estava bem cuidada, os canteiros com a grama aparada e havia poucas folhas no chão.

No entanto, o que chama a atenção é a falta de um projeto paisagístico, uma coerência estética no local. São dezenas de espécies diferentes de árvores, como os charmosos Flamboyants ou palmeiras, mas também ao fundo, existem enormes fícus com raízes que arrebentam o mosaico de pedra portuguesa e que é motivo de crítica constante do vereador Paulinho da Prefeitura (PSB), por exemplo, que conseguiu junto á deputada Luiza Erundina, recursos para elaboração de projetos de reforma para esta e demais praças da cidade.

Vereadores desta legislatura e da anterior já pediram muitas vezes poda constante de árvores, cuidado com os jardins e até mesmo fiscalização mais rigorosa com ambulantes que se aproveitam deste espaço público irregularmente. Há também queixas sobre segurança, sobre a praça estar sendo ocupada por usuários de drogas, entre outras reclamações.

A Gazeta de Vargem Grande tem questionado a prefeitura sobre alguns problemas da praça há algum tempo. Não tivemos resposta até este mês de fevereiro sobre a questão enviada em meados de 2018 sobre uma ligação de energia elétrica neste largo. Tampouco a reportagem foi atendida quando questionou há duas semanas – e reiterou nesta – a respeito dos projetos que a prefeitura tem sobre a Praça Capitão João Pinto Fontão.

É fato que Saúde, Educação, Segurança, Desenvolvimento e equilíbrio financeiro são prioridades da gestão. Mas um carinho com a praça, com este espaço de convívio familiar, sempre é bem vindo.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui