Doria revê decisão e Projeto Guri será mantido

0
477
Muitos alunos, ex-alunos, pais e apoiadores do projeto participaram do ato em apoio ao Guri

Governador anunciou no dia 30 a decisão de cortar R$ 148 milhões da Cultura o que iria afetar dezenas de polos do projeto em todo Estado

Alunos, ex-alunos, professores e apoiadores do Projeto Guri de Vargem Grande do Sul fizeram na tarde da segunda-feira, dia 1º, uma ação contra a medida do governador João Doria (PSDB) que levaria ao fechamento do programa na cidade e em mais dezenas de outros municípios em todo Estado. No mesmo dia, Doria reconsiderou a medida e anunciou a manutenção do programa e o aumento de recursos para o Guri.

Na sexta-feira, dia 30, o governo divulgou o corte de R$ 148 milhões da Cultura o que causaria o encerramento ou a redução de dezenas de programas. O Projeto Guri seria um dos afetados. A medida provocou uma forte reação contrária da população. Em Vargem Grande do Sul, muitas pessoas, desde integrantes de movimentos culturais até o poder público municipal, se mobilizaram e na segunda-feira, organizaram um ato pela continuidade do programa.

O projeto está na cidade desde 2006 e atendeu centenas de crianças e jovens. Atualmente, conta com oito educadores, um coordenador e uma auxiliar de polo, atendendo cerca de 400 alunos com aulas de metais, viola caipira, canto juvenil e iniciação musical.

De acordo com o apurado pela Gazeta, após o anúncio do corte de recursos, os profissionais contratados pelo projeto foram chamados na sede do polo, em São Carlos, onde assinaram seus avisos prévios.

Diante da possibilidade de ter as atividades encerradas na cidade, alunos e ex-alunos, além de professores, colaboradores e representantes do poder público municipal, se reuniram no início da tarde da segunda-feira, dia 1º de abril, na Escola de Música, para se mobilizar contra a decisão do governador João Doria e pedir a manutenção do projeto.

Os apoiadores do Guri levaram cartazes e deram depoimentos sobre o poder transformador do projeto em suas vidas. Uma das ex-alunas comentou que foi no Guri que desenvolveu seu talento e que hoje trabalha com música. Outra ex-aluna também falou sobre a felicidade de ter participado do projeto e afirmou que se não fosse pelo Guri, seu destino seria bem diferente, lembrando que ao se dedicar à música, não deu espaço para a aproximação de drogas em sua vida.

Representando o poder público, a diretora de Cultura, Márcia Iared, lembrou da luta para a vinda do projeto para o município e da alegria que todos sentiram ao receberem os primeiros instrumentos. O vereador Canarinho (PSDB), também comentou que tão logo recebeu a notícia sobre o risco que o Guri corria, já mobilizou lideranças partidárias para sensibilizar o governador, destacando ainda a importância da música em sua vida e também na de seus filhos.

O prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB) falou ao público sobre a importância do projeto e toda a mobilização que fez junto a demais prefeitos para que o Projeto Guri não sofresse os cortes anunciados.

Na mesma tarde, o governador João Dória, em uma coletiva de imprensa, anunciou que iria manter o projeto e nos próximos anos, aumentará os recursos destinados ao Guri. O prefeito Amarildo anunciou a decisão do governador aos presentes, que comemoraram a mudança de postura do governador.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui