Monsenhor Décio participou das primeiras Romarias

0
213
Monsenhor Décio abençoa cavaleiros na Romaria

A Romaria dos Cavaleiros de Sant’Ana de Vargem Grande do Sul chega em sua 45ª edição nesse domingo, dia 28. O Monsenhor Décio Ravagnani, pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Hortolândia (SP) participou desde a criação do desfile até a década de 1990.

Em 1974, foi realizado um desfile de comemoração ao centenário do município, e em 1975, aconteceu a 1ª Romaria dos Cavaleiros de San’Ana. O desfile foi organizado pelo Monsenhor Celestino Cabrera Garcia, que havia tomado posse da paróquia Sant’Ana em 1946, com ajuda do Monsenhor Antônio David.

Monsenhor Décio Ravagnani

No início de 1976, Monsenhor Décio Ravagnani foi enviado como Diácono à paróquia para ajudar nos movimentos e trabalhos paroquiais. Sua ordenação sacerdotal aconteceu em junho do mesmo ano e no dia de sua primeira missa como padre na paróquia, aconteceu uma grande festa.

Em 1980, o Monsenhor Décio, havia sido nomeado Omo Vigário Ecônomo Auxiliar. Ele recebeu o título de Monsenhor em 1991, ano em que a paróquia Sant’Ana estava completando cem anos. Após diversas obras realizadas na cidade, ele foi transferido em 1994 e hoje atua como pároco da Paróquia Nossa Senhora do Rosário, em Hortolândia (SP).

Monsenhor Décio, atualmente com 75 anos, completou 43 anos como sacerdote. “Destes 43 anos”, 18 anos foram em Vargem Grande do Sul, onde reformei a Matriz, construí o Santo Antônio, Santa Edwiges, São José, São Francisco, Nossa Senhora das Dores, Santa Rita, Santa Luzia, o São Joaquim, mas não terminei, também reformei parte do São Benedito, formei todas as comunidades e reformei também parte da Igreja de Nossa Senhora Aparecida”, disse ele. “Já completei 75 anos de idade, já estou na hora de aposentar, peço que rezem por mim. Tenho um carinho muito especial por Vargem, uma vez que o primeiro amor a gente nunca esquece”, comentou.

Romaria

Há anos, a contagem do desfile da Romaria é contada a partir do desfile do centenário de Vargem. À Gazeta de Vargem Grande,  Monsenhor Décio, contou como era a Romaria quando o evento surgiu. “A Romaria no inicio começou com o entusiasmo de Monsenhor Celestino e do então prefeito Huber Cossi. Na época eram poucos cavaleiros, que passavam ao lado da Igreja Matriz de Sant’Ana, recebiam a benção, e encerrava na Gruta”, relembrou.

Ele contou que com o tempo o evento foi tomando maiores proporções. ”De ano a ano, com a participação de outras pessoas da comunidade convidadas, foi organizando melhor e também aumentando os cavaleiros de toda a região”, contou. “Hoje a Romaria tomou uma proporção excelente, há muitos romeiros e a participação de todas as comunidades da Paróquia de Santa Ana”, completou. Fotos: Gazeta

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui