Risso assina contrato para construir filial em Vargem

0
127
Representantes da Risso, junto ao prefeito Amarildo e o diretor de Desenvolvimento Tadeu, durante assinatura do contrato. Foto: Prefeitura

Esta semana, o sócio proprietário da empresa Risso Encomendas Centro Oeste Ltda-EPP, Antônio Aparecido Risso, esteve no gabinete da prefeitura municipal para assinar o contrato de doação de três lotes junto ao Distrito Industrial José Aparecido da Fonseca-Tota, onde a empresa vai construir uma filial em Vargem Grande do Sul.

Também estavam presentes os gerentes da empresa, José Augusto Mangili e Gustavo Ereno, que foram recepcionados pelo prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB) e pelo diretor de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Tadeu Fernando Ligabue.

A empresa, cuja sede é na cidade de Barra Bonita, já está instalada há cerca de um ano em Vargem, mas as tratativas para a cessão dos terrenos começaram bem antes, pois havia a possibilidade dela montar sua estrutura na cidade de São João da Boa Vista.

Um dos principais clientes da empresa em Vargem é a Sbardellini & Cia Ltda, detentora da marca Fuzil, cujo um dos sócios, Jair Gabricho, participou para que a empresa se instalasse no município.

A reunião, que aconteceu na quinta-feira dia 8 de agosto, foi descontraída, com o proprietário e os gerentes mostrando-se otimistas com a nova filial, que atenderá grande parte da região e também o sul de Minas. Para a construção da obra, a empresa pretende investir cerca de R$ 1.200.000,00, segundo informou o diretor de Desenvolvimento.

O prefeito Amarildo comentou que com a aprovação desta nova empresa para se fixar no distrito industrial, agora restam muitos poucos terrenos, sendo que outras empresas estão pleiteando lotes no parque industrial que deve ter sua ocupação total em breve.

Ele lembrou que no projeto de governo da atual administração consta a ampliação ou um novo distrito industrial, visando atrair mais empresas para o município e gerar mais empregos na cidade.

Para tanto, está em análise junto aos vereadores municipais, um projeto de lei visando a venda de terrenos pertencentes ao município, cujo recurso será revertido para investir em nova área de expansão do parque industrial de Vargem Grande do Sul.

Empregos

A Risso Encomendas quando estiver operando na sua capacidade total, vai gerar cerca de 20 empregos diretos e uma receita em torno de R$ 300 mil mensais. Ela tem seis meses para iniciar a construção de seu galpão, segundo a lei municipal, mas deve iniciar as obras o mais breve possível, conforme apurou o diretor de Desenvolvimento Tadeu Ligabue.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui