Reminiscências de um amor de 145 anos

0
537

Antonio Carlos do Patrocínio Rodrigues

Vargem completa 145 anos e se apresenta como uma cidade progressista, cheia de residências, comércios, indústrias, com uma grande concentração de habitantes, em franco crescimento. Nossa cidade progrediu e cresceu muito e deixou longe aquele pequeno distrito que pertencia a São João da Boa Vista e que começou como uma pequenina vila em 1891 para se transformar em município 30 anos após, criado pela lei 1804 no ano de 1921, ocasião em que houve grande festa na cidade, como se constata do Relatório apresentado à Câmara Municipal pelo então prefeito Belarmino Rodrigues Peres (1922): “A cidade foi magnificamente enganalada, sendo levantados arcos de triumpho em muitas ruas […] As auctoridades e pessoas gradas tomaram parte n’um banquete de 50 talheres […] finalisando os festejos com sumptuosos bailes no Centro e nas Sociedades Italiana e Hespanhola.” Nessa época Vargem contava com nove mil habitantes, seiscentos prédios (casas), um templo católico e um protestante, uma escola particular, cinco escolas rurais e um grupo escolar, com um pequeno comércio na rua central que já à época recebia um tratamento especial do Executivo como nos revela o Relatório acima citado: “Todas as ruas da cidade foram abahuladas e bem conservadas no correr do exercício. Há grande necessidade de macadamisar a Rua do Commercio e a Rua 7 de Setembro, até a estação. Com essa providencia evitar-se-á a poeira no tempo da secca, que estraga a mercadoria dos comerciantes.” Não restam dúvidas assim que Vargem nos anos seguintes adquiriu sua própria identidade; está cercada e se cercando de indústrias; se mostra forte na agricultura e área agroindustrial, com um comércio promissor, prestação de serviços de qualidade, etc. Suas infraestruturas estão sendo desenhadas para que a cidade cresça e se desenvolva no presente e no futuro. Por sua vez, Vargem tem como seu tesouro o povo educado e laborioso que fez dela sua terra natal e é aqui que entram nossas reminiscências, nossa recordação do passado, o que mantemos na memória, ainda que vagamente, inconscientemente, mas eternamente. Não são fragmentos levados ao léu, mas a certeza que amamos nossa terra, nossa “grande” Vargem, da qual sempre seremos parte enquanto lembrarmo-nos de nosso passado e de nossos antepassados, que não podem ser esquecidos pela inexorabilidade do tempo, pois são os precursores e responsáveis por hoje termos como lar nossa querida aniversariante Vargem Grande do Sul. Não esqueçamos, porém, que a cidade completa 145 anos e por isso recebe nosso carinho e nossos votos de felicidades, mas, nosso reconhecimento, nossa gratidão, nossos sinceros parabéns vai para seu povo que a construiu nesses 145 anos, que a continua construindo no presente e continuará construindo no futuro, tornando-a a melhor cidade do mundo para se viver, enquanto sua mola propulsora for o amor que habita o coração dos vargengrandenses. Parabéns Vargem! Parabéns conterrâneos de nascimento, alma e coração.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui