Homem atira 4 vezes contra próprio irmão

0
769
Revólver foi apreendido pela polícia. Foto: Policia Civil

Uma discussão entre irmãos quase acabou em tragédia na última quarta-feira, dia 2, em Vargem Grande do Sul. Um dos envolvidos foi baleado quatro vezes e está internado em estado grave em Limeira. O autor dos disparos está preso por tentativa de homicídio qualificado.

A Polícia Civil foi acionada pela Polícia Militar por volta das 12h50. Os PMs relataram que foram até a casa da família Roqueto, na rua Orídio Ronchi no Jardim Fortaleza, para atender a ocorrência da briga que tinha resultado em uma vítima baleada.

O delegado Antônio Carlos Pereira Júnior e o agente Policial Bocamino foram até a residência, onde haviam dois policiais militares preservando o local do crime. A vítima, Francisco Antônio Roqueto, 42 anos, foi socorrido pela Guarda Civil Municipal e pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital de Caridade. O autor dos disparos, o motorista Paulo Eliezer Roqueto, 54 anos, havia tomado rumo ignorado. A Polícia Militar, por medidas de segurança, recolheu a arma.

Na casa da família estavam a mãe, de mais de 80 anos, dois irmãos e uma irmã dos envolvidos. Foi relatado à polícia que a vítima e um outro irmão estavam discutindo. Paulo Eliezer ouviu a briga e intercedeu pedindo para Francisco Antônio parar com os insultos. Nesse momento, teve início a briga entre Paulo Eliezer e Francisco Antônio, que discutiam na lavanderia da casa.

A mãe dos envolvidos também interferiu, para fazer os filhos pararem de brigar. Foi quando Paulo Eliezer foi até o quarto de um dos irmãos e no guarda-roupas pegou a arma, um revólver calibre 38, que estava dentro de uma caixa de sapatos. Ele retornou à lavanderia e disparou quatro vezes contra Francisco Antônio. Em seguida, guardou a arma novamente no quarto e saiu.

Segundo o delegado Antônio Carlos, a Polícia Civil diligenciou pelas ruas do bairro e acabou encontrando Paulo Eliezer. Ele recebeu voz de prisão e confessou o crime, contando a mesma versão que foi relatada pela sua mãe e seu irmão.

A Polícia Civil checou os dados do revólver junto ao Sistema Nacional de Armas (Sinarm) e foi constatado que ele está regularmente cadastrado. Mas não havia dados sobre a validade do registro, o que será apurado pela polícia posteriormente.

Cirurgia

A arma estava municiada com seis cartuchos, dois deles intactos e quatro deflagrados. Um dos projéteis foi encontrado no local do crime. No Hospital de Caridade, a Polícia Civil foi informada que Francisco Antônio foi atingido por quatro disparos, sendo dois ferimentos no maxilar e dois no abdômen, sendo que um desses tiros atingiu o braço da vítima antes de acertar a barriga, provocando uma fratura no braço.

Francisco foi submetido a uma cirurgia no Hospital de Caridade de Vargem Grande do Sul e depois encaminhado para a Santa Casa de Limeira, onde passou por mais uma operação. Ele está sob acompanhamento médico e seu estado é considerado estável.

Na quarta-feira, dia 3, Paulo Eliezer teve sua audiência de custódia e teve sua prisão preventiva decretada. Ele responderá por tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil.

Discussão

Pouco depois das 12h30, após uma discussão entre os dois irmãos, Paulo, 54 anos, teria disparado quatro vezes com um revólver calibre 38 contra o irmão. Dois tiros teriam atingido seu pescoço e maxilar, um o braço e outro a barriga.

Francisco foi socorrido ao Hospital de Caridade e submetido a uma cirurgia. A Guarda Civil Municipal (GCM) e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) atenderam ao caso.

A Polícia Civil e Militar foram acionadas. O autor foi localizado pela Polícia Civil ainda no bairro, próximo à casa da família. Ele foi conduzido à Delegacia, onde confessou ter disparado contra o irmão. A Polícia Militar apreendeu a arma.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui