Prédio para saúde mental será inaugurado em novembro

0
1403
Prédio abrigará o Ambulatório de Saúde Mental e o Centro de Atenção Psicossocial. Foto: Reportagem

A inauguração do prédio que abriga o Posto Municipal de Saúde “Ernani de Andrade”, acontecerá em novembro, com data ainda a ser definida pela prefeitura. O prédio fica localizado à Rua Major Antônio de Oliveira Fontão, no Centro.

Além do Ambulatório de Saúde Mental do município, o prédio também abrigará o CAPS – Centro de Atenção Psicossocial, com vários profissionaris da área.

Iniciadas no final da primeira gestão do prefeito Amarildo Duzi de Moraes (PSDB), em 2012, as obras foram interrompidas na gestão do ex-prefeito, Celso Itaroti (PTB).

Na obra, o antigo imóvel que abrigava o Sasp foi praticamente derrubado e reconstruído. À Gazeta de Vargem Grande, a prefeitura informou que foi investido cerca de R$ 1,2 milhões na reconstrução do prédio, numa obra de 562 m². De acordo com a reportagem publicada pela Gazeta em abril de 2012, o projeto inicial estava orçado em cerca de R$ 600 mil.

“Por razões diversas, um período ela ficou parada, em outro não existia condições financeiras para dar continuidade sem prejuízo ao Departamento de Saúde e posteriormente a obra foi reiniciada em um ritmo em que as condições financeiras permitiam”, explicou a prefeitura em resposta aos questionamentos da Gazeta.

Desde o início das obras, o atendimento do Sasp é realizado no Centro de Saúde “Dr. Gabriel Mesquita”. Após a inauguração, o atendimento será retomado ao imóvel remodelado. No local também funcionará o Centro de Atenção Psicossocial (Caps).

Segundo a prefeitura, ainda faltam a colocação de móveis que já foram adquiridos e estão sendo entregues pelos fornecedores. Conforme o observado pela reportagem da Gazeta, na última semana a prefeitura esteve, também, efetuando o serviço de paisagismo e jardinagem no local.

Sasp

Antigo Posto de Puericultura, o prédio foi reformado e utilizado para Serviço Municipal de Saúde pelo ex-prefeito Alfeu Rodrigues do Patrocínio. Em 1990, o então prefeito José Carlos Rossi procedeu com uma nova reforma e o local passou a ter o nome do farmacêutico Ernani de Andrade.

A partir de então, passou a funcionar no Sasp o Ambulatório de Saúde Mental, com psicólogo, psiquiatra, fonoaudiólogo, neurologista, assistente social, o serviço de eletro encefalograma e o serviço de oficina terapêutica a pacientes com transtorno mental, além de cardiologia, urologia e clínica geral.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui