Saúde faz ação do Novembro Azul no próximo sábado, dia 23

0
255

O Departamento de Saúde da prefeitura de Vargem Grande do Sul irá realizar no próximo sábado, dia 23, atendimento especial em apoio à Campanha Novembro Azul, de incentivo à prevenção ao câncer de próstata.

O atendimento será realizado das 8h às 16h, no Centro de Saúde “Dr. Gabriel Mesquita”, na Unidade Básica de Saúde (UBD) Dr. Edward Gabrioli, na Vila Polar e nas Equipes de Saúde da Família (ESF) Arcelino Anadão, no Jardim Paulista e Natalino Lopes Aliende, no Jardim Dolores.

Serão realizadas consultas médicas, pré e pós consultas, teste rápido de HIV e sífilis, eletrocardiograma e exames de glicemia (dextro), os médicos e enfermeiros também irão realizar o trabalho de orientações e a importância da prevenção das doenças aos pacientes.

A Gazeta de Vargem Grande contatou a Prefeitura para saber como é feito o atendimento de urologistas da rede municipal. De acordo com o informado, o médico especialista da rede atende no Centro de Saúde “Dr. Gabriel Mesquita”, através de agendamento.

Segundo a prefeitura, o atendimento aos homens inicia-se na atenção básica, ou seja, nas ESF, onde é realizada a saúde preventiva. Na ocasião, o médico solicita exames laboratoriais para todos os pacientes homens assintomáticos e também aos que chegam apresentando sintomas prostáticos.

A prefeitura informou que em seguida, os resultados dos exames são encaminhados ao médico urologista, onde serão avaliados e feitos novos exames, caso o diagnóstico seja positivo. Este especialista tem condição de decidir o tratamento de cada paciente, onde existe o tratamento conservador a base de medicamentos ou tratamento cirúrgico e, muitas vezes, encaminha de imediato ao serviço de oncologia.

Casos

De acordo com informações do Instituto Nacional do Câncer (Inca) e o Departamento de Informática do SUS (Datasus), a cada dia, 42 homens morrem em decorrência do câncer de próstata e aproximadamente 3 milhões vivem com a doença, sendo essa, a segunda maior causa de morte por câncer em homens no Brasil. São estimados para este ano 68.220 novos casos, segundo o Inca.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui