Suspeito de estupro em Vargem foi em preso em São José

0
3770
Suspeito estuprou 5 vítimas na região. Foto: Portal Rio-pardense

Um homem de São José do Rio Pardo foi preso na manhã da última quarta-feira, dia 18, acusado de praticar estupros pela região, um deles, em Vargem Grande do Sul.
Segundo a reportagem do Portal Rio-pardense, em cumprimento de um mandado de prisão expedido pela Comarca de Mococa, o homem foi preso pela Polícia Civil de São José depois da apuração realizada por investigadores de Mococa.
Além do estupro em Vargem, o suspeito teria cometido a violência sexual contra uma jovem em Mococa e outros três casos seriam em São José do Rio Pardo. Ainda de acordo com a matéria, o homem, de cerca de 25 anos, de posse de uma arma, rendia casais de namorados que estavam em seus veículos, amarrava a vítima masculina e trancava no porta mala do carro, ficando ele e a vítima feminina nos bancos do motorista e passageiro.
Em seguida ele ia até uma área de matagal ou uma casa abandonada fora da cidade, e lá estuprava a mulher, sempre ameaçando de morte as vítimas. O estuprador além de abusar de suas vítimas, roubava seus pertences e depois as abandonava no meio do mato.
As investigações duraram alguns meses e as polícias civis de São José do Rio Pardo e Mococa conseguiram identificar o estuprador e prendê-lo na manhã de quarta-feira, permanecendo ele à disposição da Justiça.

Vargem

O homem é suspeito de ser o autor do estupro contra uma jovem de Vargem em setembro de 2018. Segundo o publicado pela Gazeta na época, um casal passava de carro pela rua dentro do espaço da Barragem Eduíno, quando foi surpreendido por um homem armado, por volta das 20h. Conforme a Gazeta de Vargem Grande apurou, o casal teria entrado na Barragem apenas para fazer o retorno, quando o criminoso teria pulado na frente do veículo em movimento e determinado que o condutor parasse.
O homem entrou no carro e ameaçando as vítimas com uma arma, mandou que seguissem para São Sebastião da Grama. Ao chegarem ao município vizinho, determinou que continuassem pela estrada que vai até São José do Rio Pardo. Em determinado momento, ele pediu para o motorista entrar em uma estrada de terra e tempos depois, parar o veículo.
O criminoso amarrou as mãos e os pés do rapaz e o colocou no porta-malas do carro. Em dado momento, ele parou o veículo e violentou a garota. Depois, seguiu com o carro para a área de São Sebastião da Grama, onde libertou o casal. Ameaçando a vida dos jovens o tempo todo com a arma, roubou o celular da garota e determinou que retornassem para Vargem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui