Painel

0
382

Momento ruim

Agora que de fato apareceu na cidade os primeiros casos de coronavírus, é quando mais o povo está nas ruas, não praticando o tão necessário isolamento. Pela firmeza com que o prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB) está conduzindo o combate à pandemia na cidade, ele deve arrochar o isolamento nos próximos dias.

Repensar

Com tanta gente voltando a circular pela cidade, o prefeito certamente vai ter de repensar as estratégias de fazer com que o povo volte a ficar em casa mais algum tempo, até de fato a pandemia passar e haver segurança para que as coisas voltem ao normal em Vargem Grande do Sul. Com um bom e planejado plano de ação e o envolvimento da cidade e suas lideranças, certamente os prejuízos serão menores.

Inepto

Enquanto em Vargem o prefeito se mostra à altura dos desafios, em âmbito de Brasil nunca se viu um presidente da República tão inepto como o atual. Com milhares de mortes pelo coronavírus, não se notou um momento em que o homem chame seus principais ministros, ajunte os governadores, enfim, fazer um chamamento à sociedade para unir a população no combate da peste que serpenteia em todo o Brasil. Pelo contrário, não tem um dia que ele não arruma um rolo para fugir das suas responsabilidades.

Tá cansando

Até os mais empedernidos bolsonaristas já estão cansando das atitudes do Mito. Já não têm como mais jogar a culpa nos petistas, nos comunistas, nos chavistas, nas televisões, nos jornais e jornalistas. Falta capacidade de gestão. Só isso.

O Centrão vem aí

Deputado que nunca fez algo relevante em mais de décadas como político, Bolsonaro foi eleito com o vago discurso de acabar com a corrupção no Brasil e agora mostra o que sempre foi. Está negociando com os políticos do Centrão, que ele tanto condenou, para que tenha maioria em caso de impeachment que pode vir a sofrer depois de tantos erros na sua administração.

Arte

Política é uma arte. Arte de conversar, dialogar, ouvir mais que falar, respeitar os poderes constituídos, respeitar a democracia, envolver as pessoas, ter um bom plano de governo, pessoas capacitadas ao lado, liderar quando o barco está afundando. É a arte da negociação, sem, no entanto, fugir do que é ético e bom para o País.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui