Para policial militar, trabalhar tem sido um desafio diário por pensar na família

0
1149
Salomão contou que segue todos os protocolos de saúde para proteger as filhas e a mulher do vírus

O soldado da Polícia Militar, Salomão Barbosa de Paula Júnior, de 36 anos, está na corporação há 11 anos e também está na linha de frente do vírus. Pai de Bárbara Helena de Paula, de 18 anos, e Lavínia de Paula, de 10 anos, ele é avô de um bebê e logo será pai novamente.
Ele contou que trabalhar tem se tornado um desafio diário, uma vez que está trabalhando normalmente, mas que toma os devidos cuidados com a esposa, gestante, com as filhas, neta e com ele mesmo.
A fim de minimizar os riscos, ele pontuou que trabalha com toda cautela e seguindo todos os protocolos passados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). “Tenho feito uso constante de máscara, lavando as mãos com agua e sabão e realizando higienização com álcool gel, e assim que chego do trabalho, coloco minhas roupas imediatamente para serem lavadas”, disse.
Para Salomão, a maior preocupação é não contrair a Covid-19 e não levar o vírus para o seio de sua família, uma vez que em um momento de tantas incertezas, se viu como um pai que está ainda mais preocupado com as filhas.
O PM comentou que deve haver conscientização da população e que espera que a situação melhore. “É importante que as pessoas se conscientizem e entendam que esse tem sido um ano atípico, e que o distanciamento físico é uma medida de proteção fundamental diante da pandemia”, falou.
“O isolamento é um ato de solidariedade com todo mundo, não só entre os familiares. Mas é momentâneo, tudo vai melhorar, ainda que não exista uma perspectiva clara de tempo para isso acontecer”, completou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui