Ferramentas on e off-line são complementares em uma estratégia de marketing

0
521
Felipe Benutti explica uso das estratégias on e off-line. Foto: Divulgação

Segundo docente do Senac São João da Boa Vista uma empresa pode utilizar de materiais impressos, ao mesmo tempo que investe em sites para dar visibilidade ao negócio
Para que os usuários de smartphones consigam acessar os sites de seus dispositivos móveis é necessário, segundo Felipe Benutti docente da área de tecnologia da informação do Senac São João da Boa Vista, que ele seja responsivo, ou seja, que consiga se adaptar em qualquer tela – computador, notebook, tablet ou celular – que seja exibida. Como o tráfego mobile aumentou 30,6%, segundo dados divulgados pela SimilarWeb, enquanto o acesso vindo de desktops caiu 3,3% “o desenvolvedor do site deve levar em consideração a criação de layouts específicos para cada tamanho de tela, ou seja, criar um site responsivo e com isso aumentar o engajamento, principalmente, das pessoas que fazem o acesso via smartphone”, afirma Felipe.
Uma curiosidade apontada pelo estudo é que para determinadas categorias, como jogos, comida e bebida, pets, saúde, comunidade e sociedade, esportes e estilo de vida os usuários usam mais os aparelhos móveis. Ao longo dos anos, outras categorias estão migrando para o mobile, inclusive notícias e mídia, veículos, viagens, referência e finanças. “Além de ter um site adequado para diferentes telas é preciso ter uma estratégia de marketing assertiva, pois se de um lado temos o aumento de consumo via mobile, não podemos esquecer das mídias off-line”, ressalta o docente.
Felipe ressalta que diferentes ferramentas podem ser complementares, “por exemplo, uma empresa que vende roupas no varejo pode utilizar os impressos como flyers, outdoors e banners como forma de publicidade, ao mesmo tempo pode ter um site e uma página em redes sociais para dar visibilidade ao negócio no meio digital”,disse.

Gazeta
A edição impressa Gazeta de Vargem Grande, que há 39 anos circula semanalmente em Vargem Grande do Sul é um dos meios de divulgação mais tradicionais do município. Além disso, o jornal também oferece opção de anúncios em seu site e também em suas mídias sociais. Dessa forma, proporciona aos propagandistas opções tanto off-line, quanto em meios digitais para que empresários possam anunciar e divulgar ao maior número possível de pessoas suas iniciativas.

Curso
Para os profissionais que desejam atuar nessa área o Senac São João da Boa Vista está com inscrições abertas para os cursos: Adobe XD – protótipos para interfaces web e mobile, voltado para a criação de protótipos para dispositivos on-line e CorelDRAW – ilustração digital, utilizado para criar ilustrações vetoriais e configurar o fechamento do arquivo para qualquer mídia, de acordo com os padrões técnicos da ferramenta. “Esses títulos são voltados para quem tem interesse em entrar no mundo da computação gráfica e de criação de protótipos de sistemas. É destinado também para quem já faz parte desse mercado e busca uma qualificação mais específica nesses softwares”, finaliza Felipe.
Para os interessados, as inscrições estão abertas no Portal Senac www.sp.senac.br/saojoaodaboavista e há ainda desconto promocional de 30% em seus cursos presenciais técnicos, livres e de idiomas, que tenham início até 22 de dezembro de 2020. Neste período, as aulas poderão ser iniciadas remotamente.

Serviço
Senac São João da Boa Vista, fica à rua São João, 204 – Centro. Informações: www.sp.senac.br/saojoaodaboavista

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui