Chove pouco e crise da água em Vargem deve continuar

    0
    655
    Capivaras descansam ao redor do vertedouro em local que antes era coberto pela água. Foto: Reportagem

    As chuvas que caíram esta semana não foram suficientes para mudar o quadro de grave crise hídrica na Represa Eduíno Sbardellini que abastece Vargem Grande do Sul. Ela continua bem baixa, com uma grande faixa de areia ainda aparecendo. Na semana passada, o nível de água da represa tinha baixado 1,33m e apesar das chuvas que ocorreram, o quadro não mudou muito. Ainda são esperadas chuvas neste final de semana, com previsão de pancadas de chuva à tarde e à noite, mas a quantidade não deve ser muita, de acordo com o site Climatempo.
    Se não chover o suficiente para normalizar a situação, provavelmente o SAE deverá adotar uma medida mais severa com relação ao racionamento que atualmente está ocorrendo das 8h às 14h. Dentre as possibilidades, o órgão poderá estender a suspensão do fornecimento de seis para oito horas diárias, podendo chegar até 12 horas de racionamento todos os dias, conforme já mencionado na reportagem do dia 24 de outubro publicada pelo jornal.
    No dia 25 de setembro, com a situação da seca piorando e a represa já apresentando sinais críticos, o prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB) decretou “Estado de Alerta de Desabastecimento de Água”, que entrou em vigor na segunda-feira, dia 28, vigorando pelo período de até 60 dias.
    O superintende do SAE, Klabin Dei Romero na entrevista que deu à Gazeta de Vargem Grande na semana passada, disse que a população tem cooperado evitando o desperdício de água, mas também tem chegado ao conhecimento do jornal que ainda muitas pessoas estão abusando e desperdiçando água, o que pode levar o consumidor a ser multado.
    Passadas as eleições municipais que ocorrerão neste domingo, certamente na semana que vem o prefeito Amarildo Duzi Moraes vai ter que debruçar um pouco mais sobre a questão do baixo nível da Represa Eduíno Sbardellini e dentre as atitudes que pode tomar, caso as chuvas deste final de semana não aumentem a capacidade do reservatório, decretar um novo racionamento de água, até que a situação volte à normalidade.

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor insira seu comentário
    Por favor insira seu nome aqui