Confusão no Dolores termina com homem preso, após pessoas jogarem paus e pedras na PM

0
3962
PM apreendeu porções de maconha que suspeito tentou jogar fora. Foto: PM

A Polícia Militar de Vargem Grande foi confrontada por pessoas que tentavam impedir a detenção de um suspeito na tarde do domingo, dia 10, no Jardim Dolores. Um homem chegou a pular no açude Brasinha para tentar escapar e pessoas armadas de paus ameaçaram os policiais. A confusão terminou com um homem preso.

De acordo com o relatado pela PM, a equipe composta pelo Cb Thomaz e pelo Sd Amauri realizava patrulhamento pelo Jardim Dolores e na Rua Rogério Otero, perto da Igreja São Joaquim, avistou um homem suspeito de estar envolvido em vários roubos na cidade, conversando com uma outra pessoa.

Ao perceber a presença dos policiais, o suspeito mostrou nervosismo e quando a equipe falou com ele, o homem fugiu. Perto dali estava um segundo suspeito, que também fugiu ao ver os policiais. O soldado Amauri passou a acompanhar o primeiro suspeito e o cabo Thomaz foi atrás do segundo, que também é conhecido nos meios policiais e que durante a sua fuga, jogou algo ao chão. Ele não foi alcançado, mas foi feita a apreensão do que ele tentou jogar fora: 20 porções de maconha.  

Assim, o cabo Thomaz foi dar apoio a soldado Amauri, que estava no encalço do primeiro suspeito, que acabou entrando em uma propriedade rural ali existente e mergulhando no açude Brasinha.

Foi solicitado apoio e as equipes compostas pelos cabos Cipriano e Rodrigo e os soldados Emiliano e Prado compareceram, para abordar o suspeito. Cerca de cinco minutos depois, volta ao local o segundo suspeito, juntamente com cerca de 30 pessoas. De acordo com o relatado pela PM, várias delas inclusive o próprio segundo suspeito, armadas com pedras e pedaço de pau, que arremessaram contra a equipe policial.

De acordo com os policiais, a todo momento o segundo suspeito desacatava a equipe utilizando palavras ofensivas e também ameaçando, dizendo ” eu vou dar um tiro bem na cara de vocês, quero matar vocês dois”.  Nessa confusão, o primeiro suspeito foi resgatado pelos comparsas, que fugiram.

As equipes formadas pelo Comando de Grupo Patrulha (CGP) Sg Aparecido e Cb Scacabarozi, além da viatura da Força Tática com o Sg Mello e Sd Moraes, a equipe do Cb Cepoline e Sd Américo, além da viatura do Comando de Força, com o Tenente Viola e o CB Deilon, chegaram para apoiar a ação.

A turba foi até a rua José Domingos dos Santos Neto, onde foi possível alcançar o primeiro suspeito, porém ele foi novamente foi resgatado por populares. De acordo com a PM, foi necessário o uso de força física contra o irmão deste suspeito, mas não foi possível deter os indivíduos.

Novamente, o segundo suspeito investiu contra a equipe policial. Porém, dessa vez, oferecendo uma resistência, desferindo chutes e socos contra as equipes policiais, que revidaram, atingindo o segundo suspeito com alguns chutes. Ele conseguiu escapar mais uma vez.

Os policiais passaram a buscar o segundo suspeito, já que o primeiro voltou a fugir. Alguns metros à frente, a PM deteve este segundo suspeito, que foi algemado. Seguindo os trâmites legais, ele foi levado a uma unidade de saúde para exame de corpo de delito. De acordo com a PM, o laudo apresentado foi que não havia lesão.

A ocorrência foi apresentada no Plantão Policial em São João da Boa Vista, onde o delegado Eduardo Denadai Campos após tomar ciência dos fatos, ratificou a voz de prisão em flagrante delito pelos crimes de tráfico de drogas, lesão corporal, ameaça e resistência. Desta forma o indiciado permaneceu preso à disposição da Justiça.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui