Nenhum candidato a provedor para o Hospital se apresenta e atual diretoria deixa entidade no dia 31

0
2127

Prevista para ocorrer na terça-feira, dia 26, a eleição para a provedoria do Hospital de Caridade e dos membros do Conselho Fiscal e Conselho Deliberativo não contou com nenhuma chapa inscrita. Assim, como no dia 31 encerra o mandato emergencial que os atuais dirigentes concordaram em seguir, mais uma vez o hospital corre o risco de ficar sem comando neste ano.

No dia 31 de dezembro terminou o mandato da atual Mesa Diretora do Hospital de Caridade, que tem como provedor o empresário Wagner Cipolla. Terminou também o mandato dos membros do Conselho Fiscal e Conselho Deliberativo.

Após a primeira eleição realizada no final do ano passado já não ter sido realizada por falta de candidatos, a prefeitura foi avisada conforme determina o regimento interno do Hospital, para que o prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB) nomeasse um interventor.

Após reuniões entre prefeito e mesa diretora, foi combinado que os atuais dirigentes da entidade iriam permanecer até o dia 31 de janeiro e uma nova eleição seria realizada. Como esta nova tentativa também não prosperou, a prefeitura voltou a ser informada para que o prefeito nomeie um interventor.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui