Adolescente é pego por tráfico

0
494
Maconha, celulares e outros produtos foram recolhidos. Foto: Policia Militar
Maconha, celulares e outros produtos foram recolhidos. Foto: Policia Militar

Um adolescente que comercializava drogas nas proximidades da escola Alexandre Fleming foi apreendido na noite da última quinta-feira, dia 20.

A apreensão aconteceu por volta das 19h20 de quinta-feira e de acordo com o histórico da ocorrência obtido junto a Polícia Militar, a equipe formada pelos PMs cabo Cristiano e o soldado Amauri estava em patrulhamento pelo Jardim Morumbi, momento em que decidiu averiguar uma denúncia sobre tráfico de drogas, na qual relatava que pela avenida próxima à escola Alexandre Fleming havia um adolescente traficando drogas  diuturnamente.

Ao passar pelo local os PMs avistaram quando um jovem saia de uma residência, o qual ao perceber a presença dos policiais tentou entrar rapidamente no imóvel, porém foi abordado antes. Ele foi submetido a uma busca pessoal e em seu poder foi encontrada uma porção de maconha e um aparelho celular. O menor foi identificado e já é conhecido nos meios policiais devido ao seu envolvimento com tráfico de drogas.

Quando os PMs questionaram o adolescente a respeito da droga, ele confessou que era sua e ao perguntarem se ele tinha mais em sua casa, de pronto informou que sim. Na casa, a mãe do jovem ao ser comunicada dos fatos, autorizou a entrada dos policiais no imóvel e acompanhou as buscas. No guarda roupas do jovem foi encontrada outra porção de maconha, um rolo de fita crepe, algumas embalagens recortadas e uma quantia em dinheiro no valor de R$ 10,00.

Os policiais perguntaram a mãe do adolescente se era de conhecimento dela que haveria mais drogas na residência, e ela informou que sempre quando chega do trabalho o seu filho esta na lavanderia, fato que chamava a sua atenção. A mulher acompanhou os PMs até o local e lá eles encontraram uma balança de precisão e duas tesouras escondidas em uma caixa. Ela informou que tinha conhecimento de que seu filho traficava, pois ele não trabalhava e sempre tinha dinheiro, porém não sabia dos objetos localizados e nem do entorpecente.

O adolescente confessou que tudo o que foi encontrado em sua casa pelos policiais eram de sua propriedade e que ele as escondia para que sua mãe não encontrasse. Diante dos fatos o adolescente recebeu voz de apreensão por tráfico de drogas e foi encaminhado a delegacia, onde a autoridade policial após tomar ciência dos fatos ratificou a voz de apreensão e o menor permaneceu preso a disposição da polícia judiciária.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui