Painel 22 de setembro de 2018

0
548
Vereador vai à promotoria questionar compra do imóvel para o Departamento de Educação. Foto: Arquivo Gazeta

Repúdio

Os veredores Alex Mineli (PRB), Célio Santa Maria (PSB) e Paulinho da Prefeitura (PSB) propuseram na sessão de Câmara da segunda-feira, dia 17, uma moção de repúdio ao prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB)

Vereador vai à promotoria questionar compra do imóvel para o Departamento de Educação. Foto: Arquivo Gazeta

Casarão

Na Justificativa, os vereadores informaram que a moção se fazia necessária pela “falta de transparência e ausência de princípios que norteiam a administração pública na aquisição do imóvel”, relataram, se referindo à compra do Casarão pertencente à família Dutra, para ser ocupado pelo Departamento de Educação.

Não passou

A medida foi rejeitada pela maioria do Plenário. A proposta teve votos favoráveis de Alex, Célio, Paulinho e Wilsinho Fermoselli (DEM). Votaram contra a moção, Guilherme Nicolau (MDB), Zé Luís da Prefeitura (PPS), Serginho da Farmácia (PSDB), Felipe Gadiani (MDB), Gabé (PTB), Bertoleti (PSDB) e Canarinho (PSDB). Apesar de não votar nesta matéria, o presidente da Casa, Fernando Corretor afirmou que era contrário à moção de repúdio.

Ironia

Na reportagem especial sobre os políticos que ocuparam a presidência da República e que passaram por Vargem, a Gazeta traz a visita de Lula ao município em 2000. Na ocasião, o ex-presidente se posiciona de maneira contundente contra a corrupção, pedindo endurecimento de pena contra políticos corruptos. Atualmente, Lula se encontra preso em Curitiba, onde cumpre pena em razão de condenação por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do tríplex no Guarujá.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui