Bertoletti se filia ao partido de Rossi

0
1177
Vereador Bertoleti junto ao ex-prefeito José Carlos Rossi

Uma foto publicada no Facebook do ex-prefeito José Carlos Rossi no dia 20 de março, mostra o vereador Antônio Carlos Bertoletti, que era do PSDB, com a ficha de filiação do Partido Social Democrático (PSD), do qual o ex-prefeito é filiado e provável candidato nas eleições que acontecerão em outubro deste ano.
Eleito na eleição passada com 505 votos, Bertoletti era do mesmo partido do prefeito Amarildo Duzi Moraes e certamente foi uma das principais aquisições políticas de Rossi para reforçar sua candidatura.
Com sua base política localizada nos bairros que ficam acima do asfalto, Bertoletti é bem popular principalmente no Jardim Dolores onde reside e já foi eleito três vezes vereador, sendo esta sua quarta legislatura. Nas vezes anteriores, apoiou os candidatos a prefeito Totonho, Celso Ribeiro e na última, Amarildo.
Em entrevista ao jornal, Bertoletti disse que mudou de partido por achar que tem mais chances de se reeleger no PSD, uma vez que, segundo ele, o PSDB terá muitos candidato fortes a vereador e com o fim das coligações para o Legislativo, teria mais possibilidades de se reeleger no novo partido.
Ele teceu elogios ao atual prefeito Amarildo Duzi Moraes, citando que o mesmo é um ótimo prefeito, nada tendo contra ele e que sua família é muito grande e não sabe em quem ela vai votar se os candidatos em outubro forem Amarildo e Rossi.
Perguntado se outros vereadores também iam seguir seu caminho, filiando no partido de Rossi, Bertoletti disse que não tinha conhecimento se outros vereadores iam proceder como ele, se filiando no PSD. “Da atual Câmara, acho que não”, afirmou.
O atual presidente do PSDB, vereador Carlos Eduardo Scacabarozi, o Canarinho, disse que até agora não foi oficialmente informado da desfiliação de Bertoletti do partido dos tucanos. “Ele não nos comunicou nada, ficamos sabendo pelo Facebook, nem sabemos se de fato assinou a ficha, estamos aguardando uma comunicação oficial”, afirmou. Mas, segundo a lei eleitoral, para se desfiliar de um partido, basta a pessoa se filiar em outro.

Churrasco
Em comemoração ao aniversário de Bertoletti, foi programado um churrasco em sua residência ocorrido na quarta-feira, dia 25 e vários vereadores estavam presentes. O ex-prefeito Rossi também participou e segundo apurou o jornal, teria havido uma certa pressão para que o vereador Fernando Corretor, do PRB, aceitasse a possibilidade de vir a ser vice numa provável chapa encabeçada por Rossi, o que teria sido descartado pelo vereador.
Desta reunião também estava presente o atual presidente do Legislativo, Paulo Cesar da Costa (PSB), o Paulinho da Prefeitura, que segundo os bastidores políticos, teria mencionado a possibilidade de apoiar o ex-prefeito.
A reportagem do jornal entrou em contato com Paulinho sobre a questão e o mesmo afirmou que não tomou nenhuma posição ainda, não tem nada definido e quem vai decidir o apoio do PSB será o presidente do partido, José Ricardo Buosi, o Zé da Kibon. Inicialmente, a Gazeta de Vargem Grande havia publicado que o vereador Célio Santa Maria (PSB) também participou do churrasco com Rossi. No entanto, Célio entrou em contato com a reportagem e informou que não participou desta confraternização.
A Gazeta de Vargem Grande também foi ouvir o presidente Zé da Kibon do PSB e segundo relatou ao jornal, nada foi decidido ainda sobre qual candidato a prefeito o partido vai apoiar em outubro. “Vamos fazer uma reunião com todos os membros do partido e também os candidatos a vereador para conversarmos a respeito e ver qual a posição que o partido vai tomar em Vargem “, afirmou Zé, dizendo que até a presente data nenhum dos prováveis candidatos procurou o PSB para falar a respeito da questão.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui