Retrospectiva: Confira as principais notícias de fevereiro de 2017

0
621

Uma polêmica tomou conta das discussões sobre o aumento salarial dos servidores públicos municipais. Com as dívidas herdadas, o prefeito Amarildo cogitava em não dar aumento salarial, citando a Lei de Responsabilidade Fiscal. Já a Câmara Municipal deu um aumento de 10% aos seus servidores e um abono de R$ 2.000,00. Ambos foram vetados pelo prefeito, mas o veto foi derrubado e a lei acabou sendo aprovada pela maioria dos vereadores.

Também foi notícia a não realização do Carnaval em 2017 e também a Festa do Milho por falta de verba.

Membros de uma quadrilha que praticava roubos em lojas da região foram presos no dia 7 de fevereiro por policiais militares de Vargem Grande do Sul. Os quatro homens foram detidos minutos depois de terem roubado 250 aparelhos celulares da unidade do Magazine Luiza situada na cidade de Divinolândia.

Na edição do dia 4 de fevereiro, na página 5, a manchete “Campanha de vacinação contra febre amarela tem início em Vargem”, expõe o problema de saúde que tomou conta do país devido à volta da doença transmitida pelo mosquito Aedes aeggypti. Mais de 4.000 vacinas já tinham sido aplicada na população.

Também foi manchete do jornal a regularização do aterro sanitário, que estava para ser interditado pela Cetesb, dado ao estado em que a administração passada havia deixado.
Outra notícia, fala da prisão do ex-prefeito de São Sebastião da Grama, Emílio Bizon Neto acusado de desvio de dinheiro público.

A Guarda Civil Municipal comemorou em fevereiro, 25 anos de fundação e foi matéria especial da Gazeta.

Uma das últimas notícias do mês, fala no fechamento da UPA, a Unidade de Pronto Atendimento inaugurada no final da gestão de Celso Itaroti. Irregularidades levaram a Vigilância Sanitária a emitir parecer para que as atividades no prédio fossem suspensas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui