Quatro agências bancárias de Caconde são assaltadas

0
1337
Quatro agências bancárias de Caconde são assaltadas. Fotos: montagens: VC no G1

Durante a madrugada desta quarta-feira, dia 21, assaltantes armados com fuzis invadiram quatro agências bancárias em Caconde. Após o crime, fugiram em direção à cidade mineira de Muzambinho.

Segundo reportagem publicada no G1 São Carlos e Araraquara, cerca de dez assaltantes armados com fuzis participaram do crime nas quatro agências da cidade. De acordo com o informado pela Polícia Civil ao G1, acredita-se que ao menos 30 indivíduos dividos em grupos participaram de toda a ação. O bando fugiu com todo o dinheiro que conseguiu furtar dos cofres e caixas eletrônicos das agências em direção a Muzambinho.

A Polícia Militar informou ainda que a ação dos criminosos foi rápida. O grupo chegou em Caconde por volta das 2h e atacou as agências do Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal e a cooperativa de créditos Sicoob. A cidade possui apenas uma viatura da PM, a qual estava em patrulhamento no momento do crime e os policiais solicitaram apoio de viaturas das cidades vizinhas como Mococa, Casa Branca e Tapiratiba.

“A gente conseguiu efetuar um cerco nas saídas da cidade, mas a quadrilha agiu muito rápido e, por enquanto, estamos em diligência para tentar localizar o grupo. Acreditamos que os assaltantes ainda estejam na área rural”, disse o tenente da PM Wellington Funk à reportagem do G1.

De início a PM informou a reportagem do site que o prédio do Sicredi também havia sido invadido pelos criminosos, mas a informação foi negada pela assessoria de empresa da empresa, que ainda informou que a unidade está aberta e funcionando normalmente na quarta-feira.

Caconde possui cerca de 19 mil habitantes e está localizada a cerca de 300 quilômetros da capital. Os moradores da cidade acordaram assustados com a movimentação dos criminosos e muitos ligaram para o 190. De acordo com a reportagem, os policiais militares informaram que as testemunhas relataram que ouviram quatro explosões e vários tiros e felizmente ninguém se feriu.

Foi acionada a perícia técnica da Polícia Civil e começou a investigação do caso. Os assaltantes deixaram um explosivo no caixa eletrônico de uma das agências invadidas e o Grupo de Ações Táticas Especiais, o Gate, foi acionado para retirá-lo do local.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui