E o exemplo?

0
550
E o exemplo?. Foto: Reportagem

Desde que assumiu o Executivo, o prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB) teve de encarar uma série de problemas deixados pela gestão ineficiente de Celso Itaroti (PTB). Dívidas, sucateamento da frota, obras paradas, projetos deixados de escanteio apresentam suas consequências até hoje na administração.

Foi preciso renegociar dívidas, contratos, empregar uma política de contenção que penalizou em muito os servidores públicos, por exemplo, que ficaram sem reajuste, nem mesmo a reposição da inflação em 2017 e que neste ano ainda não receberam todo o aumento proposto, visto que parte dele só será aplicada em novembro.

Ainda assim, os esqueletos escondidos no armário continuaram a aparecer. Mês após mês, mais uma surpresa desagradável se revelava à frente da equipe de Amarildo. Uma dívida não contabilizada, um processo que teve sentença desfavorável à prefeitura, até recentemente, quando foi descoberto uma grande quantidade de lixo enterrada irregularmente em uma das valas do aterro sanitário.

O prefeito, cumprindo com seu papel de publicidade e transparência, comunicava sempre que podia esses fatos à população. Expôs tanto a situação caótica do município deixada por Itaroti, que o cidadão vargengrandense começou até a pegar implicância.

Mas, o prefeito não pode esquecer nunca que é a maior vidraça da cidade. Seus atos são acompanhados de perto por todos. E quando sua gestão erra, o fato ganha as devidas proporções, não somente por ter de ser o maior exemplo na condução da prefeitura, mas muito porque sempre exaltou a conduta ética como plataforma de atuação.

Assim, quando um caminhão da prefeitura é flagrado despejando entulho numa Área de Preservação Permanente, é necessário rever toda uma postura com relação ao acontecimento.

Se o prefeito tinha ou não conhecimento do ato, se a responsabilidade caberia ou não ao diretor do departamento, do coordenador, enfim, o crime ambiental aconteceu e embora o Executivo tenha elencado as suas justificativas, o fato não deveria ocorrer, principalmente num momento em que todos os cidadãos cobram das autoridades políticas o devido respeito com o patrimônio que é de todos.

Há que se atentar que toda a área em questão onde ocorreu o descarte dos entulhos, é objeto de estudos e de um projeto de grande repercussão ambiental para todo o município de Vargem Grande do Sul, a construção de um Parque Ecológico e que tem como maior patrocinador, o prefeito Amarildo Duzi Moraes. Daí a importância do exemplo a ser dado pela prefeitura municipal.

E o exemplo?. Foto: Reportagem

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui