Casal foi preso por tráfico na Santa Terezinha

0
953
Crack, cocaína, dinheiro e objetos foram encontrados na casa do casal
Crack, cocaína, dinheiro e objetos foram encontrados na casa do casal

Na tarde do último domingo, dia 23, durante patrulhamento ostensivo preventivo pela cidade a equipe de policiais militares formada pelo cabo Lasmar e o soldado Solomão decidiu averiguar uma denúncia que chegou através do serviço 181, a qual informava que de fronte a um imóvel na Vila Santa Terezinha havia um homem que vendia crack na sua casa.

Devido aos fatos os policiais se posicionaram de modo estratégico para observar o local, visualizando o momento em que uma mulher chegou à frente da residência e chamou por seu morador e em ato contínuo, lhe entregou aparentemente dinheiro. A partir deste instante, as ações começaram a ser gravadas e enquanto a mulher esperava receber a droga, um rapaz e uma moça aparentemente usuários de droga também chegaram ao local.

Neste intervalo de tempo, sua esposa chegou na casa e recebeu o dinheiro dos usuários que chegaram por último e em seguida o seu marido foi até o portão da casa e entregou entorpecentes aos três que estavam esperando, os quais deixaram o local logo depois.

A mulher que chegou primeiro a casa foi abordada e identificada, e quando foi perguntado a ela sobre posse de drogas, além de confirmar o fato ela entregou sete pedras de crack que estavam embaladas individualmente e acondicionadas em uma embalagem maior. Ela informou ainda aos policiais que é usuária de drogas e que os entorpecentes seriam para o seu consumo, que havia comprado as porções por R$ 70,00 e disse quem era o vendedor, relatando também que enquanto ela esperava pela droga, a mulher do traficante havia recebido dinheiro de outros dois usuários.

Foi solicitado o apoio de outras viaturas para diligenciar até a casa do homem e chegando no local se depararam com ele, W.F.R.S., fechando o portão da garagem demonstrando que pretendia deixar aquele local. Ele foi abordado e revistado, porém apenas um celular foi localizado em seu poder.

W.F.R.S. foi cientificado dos fatos e recebeu voz de prisão. A mulher estava dentro da residência, foi notificada do ocorrido e também recebeu voz de prisão, pois ficou claro que ela contribuiu diretamente para a prática do crime. O casal alegou aos PMs que eram usuários de cocaína, porém não admitiu que traficavam.

Foram feitas buscas pelo interior da residência e foram apreendidas mais três pedras de crack semelhantes as encontradas em poder da usuária, uma pequena porção de cocaína aparentemente consumida parcialmente, uma tesoura, um rolo de fita crepe, pedaços de plásticos iguais aos usados para embalar as pedras de crack, além de R$ 337,00 e um DVR usado para gravar as imagens das câmeras instaladas na frente da casa.

Em seguida o casal foi conduzido a delegacia, onde foi ratificado o crime em flagrante e os dois permaneceram presos à disposição da polícia.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui