Polícia Civil prende três mulheres com 276 porções de cocaína

0
1423
Operação Tríade resultou na apreensão das drogas, celulares e veículos. Foto: Policia Civil

Operação Tríade resultou na prisão em flagrante das três envolvidas com o tráfico na cidade

A Polícia Civil de Vargem Grande do Sul realizou na manhã da sexta-feira, dia 8, a Operação Tríade, que resultou na prisão de três mulheres envolvidas com o tráfico de drogas na cidade. Segundo o relatado à reportagem da Gazeta de Vargem Grande, foram apreendidas 276 porções de cocaína, R$ 1 mil, celulares, veículos e um caderno com anotações referentes ao tráfico.

De acordo com informações do delegado Antônio Pereira Júnior, há algumas semanas a Polícia Civil de Vargem recebeu informações que duas mulheres que moram em um edifício em frente à praça Washington Luiz, onde fica a Escola estadual Benjamin Bastos, vendiam cocaína. Segundo o delegado, essas informações foram repassadas pela Polícia Militar de Vargem, que auxiliou durante o processo de investigação do caso.

Conforme o apurado pela Polícia Civil, as mulheres, de 21 e 29 anos, usavam o aplicativo Whatsapp para vender as porções. O comprador ia até o apartamento delas ou era combinado um local para a entrega do entorpecente, conforme o relatado. Também foi verificado que as duas tinham ajuda de uma terceira envolvida. E para a venda das drogas, era empregado os carros ou uma motocicleta das suspeitas.

A Polícia Civil de Vargem identificou as três mulheres e os veículos usados no tráfico. A partir daí, as investigações prosseguiram até que a polícia representou pelo mandado de busca na residência das duas, que foi concedido pela Justiça.

Na manhã desta sexta-feira, dia 8, os policiais deram cumprimento no mandado de busca e no apartamento localizaram R$ 1 mil, celulares e um caderno com informações. No entanto, não havia porção da droga no imóvel. Contudo, o mandado judicial também autorizava os policiais a acessarem o celular das suspeitas.

Ao verificar os aparelhos, em uma conversa ocorrida na quinta-feira, dia 7, uma delas com a terceira envolvida, os policiais constaram que a mulher pedia para a interlocutora trazer o “resto de droga” que tinha com ela, para juntar, colocar em uma bolsa para que a terceira escondesse em outro lugar.

Assim, os policiais procuraram a terceira envolvida, que foi encontrada em uma residência na rua Imaculada Conceição, perto da Escola Estadual Alexandre Fleming. De acordo com o delegado, ela acabou confessando o ocorrido e levou a equipe até o local, um armário, onde estava escondida a bolsa com as 276 porções de cocaína. Cada uma seria vendida a R$ 50,00, o que somaria perto de R$ 13,8 mil.

As três receberam voz de prisão em flagrante por tráfico de drogas, associação para o tráfico e aumento de pena por estar próximo de escolas. Os veículos também foram apreendidos. De acordo com o delegado, as investigações da Operação Tríade continuam.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui