Jornalismo na linha de frente

0
1057

No dia 7 de abril foi celebrado o Dia do Jornalista. Profissional dedicado a apurar notícias, checar fatos e levar ao público os dados necessários para que os leitores, internautas, telespectadores, tomem conhecimento de um assunto. Com base nessas informações, a pessoa vai formando as suas convicções. Daí a importância dessa profissão.
O presidente Jair Bolsonaro definiu como essenciais as atividades e os serviços da imprensa como medida de enfrentamento à pandemia de Covid-19, em decreto publicado no Diário Oficial da União . De acordo com o texto, deverão ser resguardados o exercício pleno e o funcionamento de todos os meios de comunicação e divulgação disponíveis. A medida visa garantir a difusão de informações à população e também cumpre o princípio constitucional da publicidade em relação aos atos praticados pelo governo.
Assim, por mais que tenha uma relação extremamente conturbada com a imprensa, o presidente reconhece o papel do jornalismo e, por consequência do jornalista, para o país. E num momento inédito da história recente da humanidade, quando o planeta todo luta contra um vírus que já matou mais de 88 mil pessoas, o papel da imprensa se mostra essencial. Levar a informação verdadeira ao público nunca foi tão importante. A proliferação de notícias falsas sobre a Covid-19 é um mal enorme. Induz a pessoa ao erro, a deixa exposta ao vírus, torna sua família vulnerável e só agrava a situação.
Cabe ao jornalista trazer a notícia de maneira clara, expor a gravidade da pandemia, contar a história científica, buscar fatos e não o discurso, como traz Tom Jones, do Instituto Poynter, em publicação da Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo. Dessa maneira, os fatos sobre a Covid-19 mostram que o vírus chegou à região, já há muitos casos positivos, causou três mortes e apesar de não haver ainda nenhum caso positivo em, o isolamento social continua sendo a melhor maneira de colaborar com o sistema de saúde, para evitar um colapso de atendimento e dar tempo para que as equipes de médicos, enfermeiros, técnicos entre outros, consigam tratar o maior número possível de pacientes, evitando mortes e um caos ainda maior na economia.
A Gazeta de Vargem Grande tem feito a sua parte, com sua equipe de jornalistas apurando diversas reportagens, publicando matérias de alerta e divulgando as medidas da prefeitura, do governo do Estado e da Presidência da República nesta guerra contra a pandemia. Postagens da Gazeta tem gerado debate, cobranças e alertas junto à população.
A todos os leitores, espectadores e internautas de Vargem, não cansem de procurar informações, mas priorizem fontes confiáveis, veículos de imprensa com base sólida e credibilidade, que mantêm em suas equipes, jornalistas sérios e comprometidos com a informação e não com o sensacionalismo. Você pode discordar do ponto de vista, do tratamento dado à notícia, mas sempre existe a garantia de que os fatos apresentados são verdadeiros.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui