Dupla foi presa por tráfico de drogas e envolvimento em roubo

Drogas, dinheiro, arma de fogo e celular foram apreendidos

A equipe da Polícia Militar do cabo Salomão e soldado Amauri há um tempo vinha recebendo informações pelo Disque Denúncias e queixas informais de populares que residem na Rua Jaboticabal a respeito de uma dupla traficando drogas pelo local.
Os policiais também tinham conhecimento informal que dois suspeitos usaram uma arma de fogo para roubar um Volkswagen Crossfox vermelho. O roubo aconteceu em Vargem Grande do Sul, no dia 23 de janeiro. Após o roubo, o veículo foi escondido em uma casa na Rua Palmeiral.
Na segunda-feira, dia 14, por volta das 16h30, visando verificar as denúncias recebidas, os policiais realizaram um breve monitoramento na Rua Jaboticabal com o apoio da equipe dos soldados Márcio e Prado.
Eles observaram intensa movimentação dos suspeitos que, após contato com usuários de droga, entravam em uma casa de fundos e retomavam o contato com os usuários que deixavam o local. Quando a equipe policial se aproximou, um dos rapazes que trazia algo em uma das mãos, tentou esconder o objeto no bolso da bermuda e foi abordado.
Os suspeitos foram identificados e revistados, sendo encontrado com um deles um aparelho celular e R$ 624,00, com o outro havia uma porção de maconha e R$ 110,00. Questionados quanto a realização do tráfico de drogas, bem como a origem do dinheiro e da porção de maconha, ambos permaneceram em silêncio. Ao ser questionado quanto a sua documentação, visto que é de outro estado, um dos rapazes dava informações desencontradas, afirmando residir na Rua São José, no bairro Santa Terezinha. Contudo, acabou confessando morar na rua da abordagem, confessando também que guardava drogas lá.
Eles foram colocados na viatura e rumaram para a residência do rapaz, que autorizou e acompanhou as buscas no imóvel, indicando o local onde as drogas estavam: na estante da sala, em pote plástico de cor rosa, juntamente com uma folha de cheque preenchida no valor de R$ 400,00.
Ao lado do pote havia uma faca e uma tesoura com resquícios de entorpecente. O rapaz assumiu a propriedade das drogas e dos objetos, indicando ainda que atrás da almofada do sofá havia um simulacro de arma de fogo, confessando utilizá-la no roubo do veículo Crossfox realizado com um outro rapaz já conhecido nos meios policiais. Constatou-se que no pote havia 25 pedras de crack.
A equipe ainda fez buscas na residência da Rua Palmeiral, onde a proprietária confirmou à equipe que conhece os suspeitos. Ela relatou que a pedido deles, guardou o veículo furtado de cor vermelha em sua residência. A mulher também foi conduzida ao Plantão Policial para esclarecimentos. O roubo segue em apuração.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui