Com frio intenso, entidades precisam de doações

Na sexta-feira, dia 19, mínima chegou a 1ºC, a previsão é de aumento de temperatura para os próximos dias, mas ainda com bastante frio
Esta foi a semana mais fria do ano em Vargem Grande do Sul. A massa de ar polar que atingiu o município e derrubou as temperaturas. Conforme dados do Centro Integrado de Informações Agrometeorológicas (Ciiagro), na segunda-feira, dia 16, a mínima foi de 13,7ºC e no dia seguinte caiu para 3,6ºC. Na quinta e na sexta-feira, o frio persistiu, com mínimas que chegaram a 1,1ºC na sexta-feira, dia 19.
Para os próximos dias, a previsão é de temperaturas mínimas ainda baixas, como 6ºC neste sábado, dia 21 e no domingo, com mínima de 8º, na segunda, com mínima de 11º e na terça-feira, com mínima de 11º. E isso ainda há um mês do Inverno, que só começa oficialmente no dia 21 de junho.
O frio é particularmente difícil para as pessoas em situação de vulnerabilidade. Assim, a Gazeta de Vargem verificou junto às entidades sociais da cidade como elas estão se preparando para atravessar esse período e como as pessoas podem colaborar com cada entidade.

Humanitária
Atualmente, a Sociedade Humanitária atende 38 idosos. Para enfrentar o frio do inverno no local, as cuidadoras informaram que estão precisando de mantinhas para cobrir os idosos, como cobertores de microfibra. Os idosos usam as mantas até mesmo durante o dia, quando as cuidadoras cobrem em suas costas. Por isso, aqueles que quiserem e puderem colaborar, podem deixar a doação na instituição, à Rua Quinzinho Otávio, nº 183, no Centro.

Casa Dom Bosco
A Casa do Menor Dom Bosco abriga 14 crianças que estão precisando de roupas quentes para passar pela época mais fria do ano. Doações como pijamas de frio, edredons, pantufas, sapatos quentes e, principalmente, roupas para ir na escola, como blusas e calças de moletom, são mais do que bem-vindas para a criançada, uma vez que esta é a atual necessidade das crianças.
Uma menina de 16 anos usa roupa tamanho M. Um menino e uma menina de 11 anos usam roupa tamanho 12. Quatro meninas vestem tamanho 10, sendo que uma delas tem 10 anos, uma 9 e duas 8 anos. Uma menina de 7 anos, um menino de 7 e um de 6 anos usam tamanho 8. Um menino de 4 anos e uma menina de 5 anos usam tamanho 6. Uma menina de 3 anos usa tamanho 3 e uma menina de 2 anos usa tamanho 2. Para ajudar, a população pode levar sua doação especial à entidade, que fica na Rua Silva Jardim, nº 956, no Jardim Pacaembu.

Casa de Passagem
Com a chegada do frio, outra entidade que tem um aumento na procura é a Casa de Passagem. No local, nos últimos dias, a demanda chegou a dobrar. A Chácara da Casa de Passagem, porém, é uma residência permanente dos acolhidos, então a sua demanda não modifica em relação ao frio.
Apenas na noite de quarta-feira, dia 18, 12 pessoas passaram pela Casa de Passagem. Para atender a demanda e não deixar ninguém de fora, chegam a acomodar pessoas em colchões avulsos. E também seguem fazendo busca ativa nas ruas, para oferecer abrigo e evitar que as pessoas durmam ao relento.
Juliana Andrade, tesoureira que compõe a diretoria da Casa de Passagem, relatou que eles sempre precisam de muita coisa, como doações de alimentos, leite, legumes para sopas reforçadas, cobertores e roupas de frio, principalmente masculinas, pois às vezes os acolhidos pedem e a entidade não tem uma roupa que sirva.
Juliana comentou que a população sempre se lembra da Casa quando chega o frio. “Principalmente porque veem matérias de São Paulo e lamentam a temperatura, mas a realidade está tão perto e as pessoas podem ajudar, principalmente com alimentos. Nós fazemos uma sopa mais reforçada para ajudar a esquentar com bastante legumes, carne, para sustentar os acolhidos, pois às vezes é a única alimentação que eles têm no dia. Então toda ajuda é bem vinda, principalmente neste momento. Isso faz muita diferença no nosso dia a dia”, completou.
Aqueles que quiserem ajudar podem levar as doações na Casa de Passagem das 18h às 21h, à Rua Maneco Nogueira, nº 261, no Centro. Aqueles que não puderem levar na Casa de Passagem, podem entrar em contato pelo WhatsApp (19) 99921-7837 para combinar a entrega.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui