Polícia Civil pega dupla que assaltou hotel em Vargem

Parte do dinheiro e dos produtos roubados e as roupas usadas no crime foram recuperadas. Foto: Policia Civil

Dois adolescentes foram apreendidos nesta semana pela Polícia Civil pelo roubo ocorrido ao Príncipe Palace Hotel, em Vargem Grande do Sul, no dia 30 de junho. De acordo com a Polícia Civil, por volta das 23h de quinta-feira, dia 30, um homem e uma mulher entraram no estabelecimento comercial. Ele estava armado e com a cabeça coberta pelo capuz da blusa e ela com capuz e uma touca ninja cobrindo o rosto.
A dupla ameaçou os presentes e roubou R$ 528,00, dois aparelhos celulares, diversos acessórios para aparelhos celulares e pendrives, os quais estavam expostos no balcão. De acordo com o delegado Antônio Carlos Pereira Júnior, a ação dos ladrões foi bastante violenta, obrigando a recepcionista a se deitar no chão, quando a chutaram. Logo após o roubo, os dois fugiram.
No dia seguinte a equipe da Delegacia de Polícia Civil de Vargem deu início às diligências atrás dos assaltantes. Pelas imagens das câmeras de segurança instaladas no posto de combustíveis à frente do hotel e nas imediações, os policiais civis conseguiram identificar os autores do crime como sendo dois adolescentes, um garoto de 17 anos e uma menina de 14 anos. Embora, estivessem com os rostos cobertos, o delegado ressaltou que ambos já eram bastante conhecidos dos meios policiais, o que possibilitou suas identificações.
“Inicialmente, na sexta-feira, conduzimos a adolescente até esta unidade policial, acompanhada de sua genitora, onde confessou sua participação no delito. Na segunda-feira, procedemos da mesma forma com o adolescente, o qual, igualmente confessou ter participado do roubo”, ressaltou o delegado Antônio Carlos.
Assim, a Polícia Civil recuperou o que restou do dinheiro subtraído, R$ 24,00, um aparelho celular, quatro carregadores para celular, quatro fones de ouvido, dois pendrives, e as roupas que eles utilizavam durante a prática do crime.
Ainda na segunda-feira, dia 4, o delegado representou na Justiça pela internação provisória dos dois adolescentes e após a decisão judicial, expedida na terça-feira, dia 5, foi determinada a apreensão da dupla, que foi encaminhada à fundação Casa Andorinhas, em Campinas.
O delegado Antônio Carlos informou que as investigações prosseguem com o objetivo de localizar o restante dos objetos roubados e a arma utilizada durante o roubo, a qual, segundos os adolescentes, tratava-se de uma pistola de airsoft.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui