Painel 15 de setembro de 2018

0
564

Prestação de Contas

O vereador Wilsinho Fermoselli (DEM) cobrou via requerimento aprovado por unanimidade a prestação de contas referentes ao Baile da Rainha, realizado pela Comissão Organizadora da Romaria dos Cavaleiros de Sant’Ana. Ele perguntou valores gastos com aluguel do local do evento, banda, segurança, bebidas e decoração. Questiona ainda se houve pessoas contratadas para trabalhar no evento e quanto receberam. Perguntou se os trajes usados pelas candidatas foram alugados ou patrocinados e se há possibilidade de verificar a documentação, como recibos e notas. Todos os anos, Wilsinho pede a prestação de contas do evento, observando que se trata de uma festa realizada com apoio do Departamento de Cultura.

Agilidade

O vereador Paulinho da Prefeitura (PSB) pediu ao Executivo para agilizar a confecção e distribuição dos carnês do IPTU para 2019. Ele lembrou que este ano a cobrança foi entregue em cima da hora o que prejudicou o planejamento orçamentário dos contribuintes. Para Paulinho, como o reajuste do IPTU para o próximo ano já foi definido em 7,5%, a prefeitura já poderia adiantar a impressão e a entrega dos carnês.

Sugestão

Serginho da Farmácia (PSDB) aproveitou o pedido de Paulinho e sugeriu que a prefeitura estipulasse um desconto maior para quem paga o IPTU à vista. Em 2018, quem pagou o imposto à vista teve 5% de desconto.

Ambulantes

Ainda no mesmo requerimento de Paulinho, havia um questionamento sobre fiscalização de ambulantes na cidade, pedindo a intensificação do serviço aos finais de semana. O vereador lembrou que estes vendedores vindos de outras cidades não pagavam taxas e prejudicam o comércio. Solicitou também que a atualização da Lei dos Ambulantes na cidade, proibindo este comércio nas imediações do Hospital de Caridade.

Moções

Com a aprovação de mais 32 moções na última sessão, a Câmara somente nas três últimas reuniões ordinárias já aprovaram mais de 110 iniciativas deste tipo. Em todo o primeiro semestre de 2018 foram 150 moções. Uma honraria conferida pela Câmara, a moção deveria ser tratada com mais deferência pelos vereadores, para não acabar se tornando corriqueira e assim, perder sua relevância.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui