Forte chuva provoca estragos em Vargem

0
11642
Auditório da ACI alagou

A chuva intensa que caiu na cidade a partir das 7h provocou estragos em Vargem Grande do Sul.

A reportagem da Gazeta de Vargem Grande percorreu alguns pontos críticos, como as margens do Córrego Santana, que alagou próximo à rua Prudente de Moraes.

Descargas elétricas também causaram danos.

A Guarda Civil municipal atendeu muitas chamadas nesta manhã, a grane maioria sobre pontos de alagamentos registrados na Rua Floriano Peixoto e Ivo Rodrigues no Centro; Rua Jardinópolis, na Vila Santana; Rua Dona Maria Cândida, na Vila Santa Terezinha; Rua Felipe Moisés Felipe, no Jardim paraíso; parte da Via Expressa Antônio Bolonha.

A GCM também informou que parte do auditório da Associação Comercial e Industrial (ACI) de Vargem, que fica à rua São Jorge, no Jardim São Luís, também alagou. Na Casa da Cultura, no Centro, placas do forro do teto caíram.

Muito lixo, entulho e galhos arrastados pela correnteza acabaram obstruindo as bocas de lobo, o que contribuiu para os alagamentos.

Maria Cleuza Pereira Garcia passou boa parte da manhã retirando a água que invadia a casa de sua mãe, na rua Floriano Peixoto. Mesmo o imóvel construído em nível mais alto que a rua, a água da enxurrada invadiu a cozinha e a sala. Enquanto Maria Cleuza corria para evitar maiores estragos, sua casa localizada à Rua Capitão Zeca Ribeiro também sofria os danos da forte chuva. O esgoto voltou pelo encanamento e invadiu cômodos da sua residência.

Ainda na rua Floriano Peixoto, Maria Célia Vasconcelos comentou que se assustou com o o volume de água. Sua casa também foi construída em um nível bem mais alto que o da calçada. Ainda assim, a água tomou boa parte da entrada. Segundo ela, quando passavam caminhões pela rua, a água invadia ainda mais o local.

 

Escolas

O Departamento Municipal de Educação informou que as Escolas Municipais Geraldo Cara Rinaldi, no Jardim Santo Expedito, Alice Giovaneli João, no Jardim Santa Marta e Virgínia Lopes Ruiz, na Vila Santa Terezinha, tiveram que dispensar os alunos por conta do volume de água que invadiu as unidades. As equipes da três creches estão trabalhando para limpar as escolas que voltarão a receber os alunos normalmente na quinta-feira, dia 18.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui