Lojistas de Vargem comentam expectativa de vendas

0
920

Muitos comerciantes de Vargem Grande do Sul se prepararam para o aumento da movimentação de compras para este Dia das Mães. Alguns, seguindo as tendências da moda ou na procura dos consumidores, já preparam suas prateleiras aguardando os consumidores que sempre presenteiam suas mães nesta data tão importante.

“Para o Dia das Mães sempre temos a expectativa que as vendas aumentem, percebemos que o consumidor está mais animado para comprar. O problema é que, com o dinheiro cada vez mais curto, não dá para fazer tudo o que se gostaria. Por isso, investimos em produtos com valores que possam agradar as mães da mesma maneira, com destaque para os arranjos de flores e a linha de aromatizadores de ambiente. Se conseguirmos o mesmo volume de vendas do ano passado já estaremos satisfeitos”, disse Wilson Roberto Secco, da Opção Móveis e Eletrodomésticos

Roupas e presentes mais procurados nas lojas

Marina Carmineti, da Loja São Jorge, acredita num volume de vendas igual ao de 2018. “A expectativa de vendas para a data é a mesma do ano passado, já que não podemos apostar em um número maior que esse. Em relação ao mês de maio, quando é celebrado o Dia das Mães, ele tem um aumento de pelo menos 30% a mais de vendas em relação aos outros meses. O mês que mais vende é dezembro por causa do Natal, e depois já vem o Dia das Mães como data comemorativa de maior número de vendas. O detalhe aqui na loja é que é muito variável, no Dia das Mães vende de tudo, já que tem a mãe mais jovem, a mãe de meia idade e a mãe que já é uma senhora. Então vende de tudo, sapatilhas, bolsas, carteiras, cintos e, inclusive, muitas confecções. Depende muito do gosto e da idade da mãe.

Camila Mafra, proprietária da Oxigeniu’s Brinquedos e Presentes, está otimista. “Estamos esperando com as melhores expectativas possíveis. Sabemos que todo ano a mãe não fica sem presente nessa data, então vai vender e as mães ganharão presentes. Apostamos em presentes diferenciados, porém coisas específicas para a mãe, como porta retrato escrito, canecas e copos com frases para mãe e presentes pessoais, como perfumes, relógios e carteiras.

Malharias e moda inverno

Fernanda Buozi Gabriel de Brito, da Básico Store – Hering, acredita em bom movimento para a data, pois “ninguém quer deixar sua mãe de fora”, disse. “O Natal e o Dia das Mães são os pontos altos do nosso calendário, então claro que o comércio tem grande expectativa e vibra com isso. Nós entramos em um ano de mudança de governo e em relação a isso, sentimos um cuidado do cliente ao comprar uma mercadoria. Mas nessa data, como todos nós temos as nossas mães, elas não ficam esquecidas. As pessoas querem presentear e cuidar de quem elas amam e ela simboliza isso com presentes na sua rotina diária. Para o Dia das Mães, nós aqui da Hering estamos pensando em um pouco de malharia, que são peças básicas, versáteis, peças que você usa todo o tempo. Porque hoje você não usa a malha somente para o dia a dia. Hoje nossas malhas são muito sofisticadas, tem malhas para a noite. Então fortalecemos para o Dia das Mães com a malharia e um pouco de peças já do inverno, pensando nas noites um pouquinho mais frias, para nossas mamães ficarem aquecidas”, disse.

Apostando no almoço especial

Mário Malaguti, do supermercado Ideal, aposta no almoço de domingo. “Essa data é muito importante para o comércio, perdendo somente para o final do ano, especificamente o Natal. É uma data que realmente dá uma aquecida no comércio, onde todo mundo acaba, de alguma forma, dando um presentinho para a mãe. Nós, do supermercado Ideal, esperamos um aumento de vendas mais na linha em que o pessoal fará um almoço ou um churrasquinho. Então acaba aumentando a venda de carne e cerveja, ao invés de aumentar a linha de presente, já que hoje em dia o pessoal vai muito para a área eletrônica e essa linha nós não temos. Mas é uma data que sempre gera uma expectativa boa do crescimento das vendas. Ainda que, infelizmente, esse ano o comércio não está crescendo conforme a expectativa que tínhamos com a mudança de governo. Ainda está tudo bem travado, o pessoal está reclamando bastante, mas esta data é uma data muito importante e eu acredito que vai dar uma boa aquecida nas vendas”, afirmou. “Estamos com a Campanha para sortear uma cesta de produtos de beleza para as mães, pois acho importante nessa data fazermos alguma coisa como forma de incentivo. Pelo o que vejo, em Vargem, no mercado geral, não está tendo Campanha para o Dia das Mães, sendo que uma campanha como incentivo para que os comerciantes participem e para que os consumidores comprem em nosso comércio ajuda bastante. Esperamos que nos próximos anos voltem a fazer campanhas de incentivo aos consumidores locais para essa data”, disse.

Acessórios, vestuário e aviamentos

Para Leandro Tavares Gonçalves, da Óticas Paris, a expectativa é sempre muito boa. “Já que nessa data, o movimento se torna maior com as compras para presentes para as mães. Como produto de maior venda, eu aposto nos óculos de sol, uma vez que o óculos de sol sai mais para presente do que os óculos de grau, principalmente para presentear no Dia das Mães”, afirmou.

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui