SSPM luta pelo reajuste salarial

0
520
Edson Bovo, presidente do SSPM, destacou a participação do Sindicato na luta pelos direitos da categoria. Foto: Arquivo Gazeta

O Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (SSPM), presidido por Edson Bovo está travando uma luta junto ao chefe do Executivo da prefeitura de Vargem Grande do Sul, em busca do reajuste salarial para a categoria que hoje tem cerca de 1.100 funcionários.
“Estamos pedindo pelo menos a reposição da inflação do período e um aumento de R$ 100,00 no auxílio alimentação”, disse Edson à reportagem do jornal sobre a matéria que envolve os sindicatos atuantes no município. Ele aguarda uma resposta do prefeito Amarildo Duzi Moraes (PSDB) depois que um ofício foi enviado ao prefeito com as reivindicações no dia 17 de março. Também são representados pelo sindicato, 115 pensionistas e 337 aposentados.
Um dos principais sindicatos atuando no município, o SSPM também vive os problemas que a reforma trabalhista de 2017 trouxe para os sindicatos ao abolir a obrigatoriedade do pagamento da contribuição sindical. Hoje os associados pagam uma mensalidade de apenas R$ 4,00 ao sindicato que sobrevive principalmente com o que arrecada dos convênios com o comércio da cidade.
“Temos um convênio com o cartão de compra oferecido pelo sindicato aos nossos associados, sem custo nenhum para eles, mas cobramos uma taxa do comércio e com essa verba estamos fazendo frente aos nossos gastos”, explicou Edson.
O sindicato também oferece assistência jurídica aos servidores, luta por melhores salários e condições de trabalho e tem uma área de lazer, a Chácara Boa Esperança que tem piscina, cozinha, área para churrasco que os associados podem usufruir mediante ao pagamento de uma taxa de uso. Para checar datas disponíveis e valores, basta ligar no SSPM pelo (19) 3641-2827. “A intenção é transformar o local em um clube de lazer aos associados, oferecendo mais lazer e entretenimento a todos que participam do sindicato”, disse Edson.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor insira seu comentário
Por favor insira seu nome aqui